Identificação dos Níveis de Pressão Sonora em um Duto Fechado/Aberto Via Técnica dos Elementos Finitos

Autores

  • Ricardo Humberto de Oliveira Filho Laboratório de Vibrações, Acústica e Controle, Departamento de Engenharia Mecânica, Instituto de Ciências Tecnológicas e Exatas, Universidade Federal do Triângulo Mineiro, Uberaba, MG
  • Leandro César Morais e Silva Marinha Mercante do Brasil, Rio de Janeiro - RJ

DOI:

https://doi.org/10.55753/aev.v30e47.115

Palavras-chave:

ruído em dutos, identificação de níveis de ruído, elementos finitos

Resumo

A busca pela melhoria da qualidade de vida do ser humano tem sido um dos objetivos fundamentais da ciência. Na área da engenharia, o controle da poluição sonora tem mobilizado boa parte das pesquisas, em ciência aplicada. Uma alternativa são os denominados controladores ativos de ruído (“Active Noise Control – ANC”). Estes controladores empregam normalmente sensores e atuadores eletroacústicos e/ou eletromecânicos que, procuram cancelar o ruído não desejado baseado no princípio da superposição de ondas. O objetivo deste trabalho é desenvolver e validar experimentalmente um modelo computacional, baseado em elementos finitos, que represente o comportamento acústico de um duto reto de seção circular. O intuito é gerar um sinal de controle, de igual amplitude e fase oposta ao ruído não desejado, que provoque o cancelamento do sinal ruidoso num determinado ponto ou região de interesse. Foi montada uma bancada experimental constituída por um duto de PVC instrumentado com alto falante e microfones. Foram projetados e construídos amplificadores e condicionadores de sinais para realizar a interface entre os transdutores e a respectiva plataforma de controle dSPACE®. O modelo desenvolvido para as simulações no ANSYS® atendeu às expectativas, uma vez que foi possível identificar os níveis de pressão sonora com um erro inferior a 4%, comparado ao valor experimental.

Referências

BERANEK L. L. and VER I. L., Noise and Vibration Control Engineering: Principles and Applications, New York: Wiley, 1992.

ESPÍNDOLA, J.J. e LOPES, E.M.O., Caracterização de Materiais Elastoméricos para o Controle de Vibrações e Ruídos Acústicos, II Simpósio Brasileiro Sobre Sistemas Dinâmicos da Mecânica – DINAME - Campos do Jordão – SP, 1998.

GERGES, S. N. Y., 2000, Ruído, Fundamentos e Controle. Florianópolis – SC.

HANSEN C. H. and SNYDER S. D., Active Control of Noise and Vibration, London, U.K.: E&FN Spon, 1997. HARRIS C. M., Handbook of Acoustical Measurements and Noise Control, 3rd ed. New York: McGraw-Hill, 1991.

KUO S. M. and MORGAN D.R., Active Noise Control: A Tutorial Review, in Proc. IEEE Int. Symp. Circuits Syst., pp. 943–973, 1999. doi: 10.1109/5.763310 DOI: https://doi.org/10.1109/5.763310

NELSON, P. A. e ELLIOTT, S. J., Active Control of Sound, San Diego, CA: Academic, 1992.

NUÑEZ, I. J. C., 2005, O controle ativo de ruído em dutos: um estudo teórico – experimental. Tese de Doutorado, Universidade Federal de Uberlândia, Uberlândia, MG, Brasil.

KERÄNEN, J.; HONGISTO, V.: Comparison of Simple Room Acoustic Models Used for Industrial Spaces. Acta Acustica united with Acustica,Vol. 96, Number 1, pp. 179-194, January/February 2010. doi: 10.3813/AAA.918267 DOI: https://doi.org/10.3813/AAA.918267

SLAMA, J. G.; KORTCHMAR, L.: Exposição ao Ruído em Ambientes de Trabalho: Panorama Internacional. In: 1o Simpósio Brasileiro de Metrologia em Acústica e Vibrações, XVII Encontro da Sociedade Brasileira de Acústica. Petrópolis RJ. p. 191-194, 1996.

SVENSSON, P.: The Early History of Ray Tracing in Room Acoustics. Edited by Peter Svensson Trondheim, June 2008. doi: 10.1007/978-3-319-05660-9_2 DOI: https://doi.org/10.1007/978-3-319-05660-9_2

KROEFF, G.; PAVANELLO, L.; MEDEIROS, E. B.: Preliminary Modeling Of Acoustic Emission In An Urban Substation. In: Congresso Ibero-Latino Americano de Métodos Computacionais para Engenharia. Brasília, 1997.

NUNES, M. A. A.; Duarte, M. A. V.: Identification of Noise Sources Using Genetic Algorithm. In: Internoise 2005, Rio de Janeiro, 2005.

Capa - Identificação dos Níveis de Pressão Sonora em um Duto Fechado/Aberto Via Técnica dos Elementos Finitos

Downloads

Publicado

01/dez/2015

Como Citar

OLIVEIRA FILHO, R. H. de; SILVA, L. C. M. e. Identificação dos Níveis de Pressão Sonora em um Duto Fechado/Aberto Via Técnica dos Elementos Finitos. Acústica e Vibrações, [S. l.], v. 30, n. 47, p. 41–47, 2015. DOI: 10.55753/aev.v30e47.115. Disponível em: https://revista.acustica.org.br/acustica/article/view/aev47_finitos. Acesso em: 14 jul. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)